Olá pessoal, tudo bem?
A resenha de hoje é o filme "Caminhos da Floresta"! O musical da Disney conta com nomes famosos como de Meryl Streep, Johnny Depp, Emily Blunt, entre outros. E tem os estúdios Disney, como responsável, mas isso tudo não foi suficiente para levar estatuetas douradas para casa. 


O filme trás a história de um padeiro e sua mulher que moram em uma vila, eles lidam diariamente com vários personagens dos contos de fadas. Há muito tempo eles desejam ter filhos, mas nunca conseguem. Um certo dia então, aparece a Bruxa que é sua vizinha, ela fala então que lançou um feitiço sobre o pai do padeiro, por ele ter roubado a hora da bruxa anos atrás. Porém esse feitiço, para a alegria do padeiro e sua mulher, o feitiço pode ser desfeito desde que eles consigam alguns objetos: um capuz vermelho como sangue, cabelo amarelo como espiga de milho, um sapato dourado como ouro e um cavalo branco como o leite. 

A bruxa lhes dá um prazo de apenas 3 dias para eles conseguirem esses objetos, e detalhe que esses objetos só podem ser conseguidos na floresta. O padeiro e a mulher vão em direção ao seu destino a fim de conseguir todos os objetos. Na floresta e na conquista dos objetos o padeiro e sua mulher acabam interligando várias histórias dos contos de fada: a chapeuzinho vermelho, o João e o pé de feijão, a Cinderela e a Rapunzel.



Caminhos da Floresta é um filme adaptado de um famoso musical da Broadway. Então pode-se esperar que seja um filme quase que completamente cantado, se você não gosta de filmes assim, então nem tente assistir. Agora, se você ainda quer ver o filme sabendo que é um musical, algumas coisas devem ser ditas aqui. 

Vamos por partes:
- A Rapunzel não me convenceu, não achei a história dela nada demais, não agradou. Ela apenas está ali por possuir algum item essencial para o padeiro e sua mulher, não acrescenta nada para o filme de interessante. 

- Eu gosto da atriz Anna Kendrick e da voz dela, não é estridente e acho que usa o tom certo. Porém ela e seu medo do príncipe, argh, meu deu alergia. Ah, os príncipes também são dispensáveis nesse filme. 

- Gostei da Chapeuzinho Vermelho assim como a breve aparição do Johnny Depp, ele poderia ficar por mais do que 5 minutos no filme. Gostei da voz, da música e da cantoria.



- Também gostei muito do João e o pé de feijão e assim como a Chapeuzinho, poderiam ter aproveitado bem melhor os atores e as atuações. Apesar de ser crianças, achei impecável, foram muito bem mesmo.

- Destaque para a atuação da Mulher do Padeiro (Emily Blunt), ela também me conquistou, não sabia que a atriz curtia fazer musical, tem uma boa voz. Gostei também da maior parte das músicas, a principal cantada em conjunto "I Wish" e algumas músicas isoladas por personagem. 

- A Bruxa, é o que mais vale no filme. Apesar de ser Meryl fucking Streep, ela não pode fazer o filme sozinha, né! As partes que ela aparece são boas, a música que canta quando aparece para o padeiro e sua mulher é bem legal, tem um certo ritmo e lembra bem o hip hop. Gostei da Bruxa, ela parecia gostar do que estava fazendo, não pareceu algo forçado.



De um lado temos a Disney nos dizendo para acreditar em contos de fadas e cair de cabeça nos filmes, acreditando que o príncipe encantado irá bater na sua porta com um cavalo branco. Do outro temos a própria Disney dizendo para tomar cuidado com o que deseja e te colocando no mundo real, onde príncipes encantados não existem e que tudo não passa de um sonho bobo. Ela dá um tapa na sua face, dizendo para você acordar para a realidade. 


O filme teve um boa oportunidade para acabar, com um final feliz like a Disney. Porém acredito que estendeu um pouco mais do que deveria, dando um choque de realidade com uma moral não muito comum em filmes da Disney que vemos por ae: contos de fadas não existem, você que faz seu próprio destino e é responsável por sua próprias alegria. Não foi um final esperado e eu gostei disso, gostei dessa moral, mas poderia ter acabado um pouco antes.

Título original: Into the Woods 
Distribuidor: DISNEY / BUENA VISTA
Ano de produção: 2014
Nota: 3,5/5
Filmow

Já assistiram ao filme ou perderam a vontade depois dessa resenha? Haha, não fiquem bravos comigo e conta o que achou de tudo isso nos comentários.


8 Comentarios

  1. Desde o lançamento do filme fiquei curiosa e apesar de eu não gostar muito de musicais ,esse chamou bastante minha atenção ,espero ver em breve.

    ResponderExcluir
  2. Oii!!
    Confesso que ainda não assisti esse filme, me desencantei quando falaram que Johnny Depp aparecia muito pouco, mas quem sabe eu dou uma chance ao filme.
    Bjos e sucesso!!

    ResponderExcluir
  3. Não conhecia o filme ainda! Não gosto muito de musicais infelizmente, assistiria pelo Johnny Depp, porém vi que ele quase nem aparece no filme... Quem sabe algum dia?

    ResponderExcluir
  4. Olá, Rosana. Não acredito que este filme foi lançado ano passado e eu nunca o vira antes. Caminhos da Floresta me encantou de uma forma suprema, gostei bastante da premissa do livro em resgatar alguns personagens de contos de fadas e fazer um grande musical. É uma pena que alguns personagens sejam deploráveis, mas espero gostar do filme no geral.

    ResponderExcluir
  5. Eu queria muito assistir este filme, mas sei lá desencantei por causa do comentários, por este motivo ainda não assisti. Pela sua resenha vejo que sua opinião não foi diferente das outras que li, então ainda não me empolguei (de novo) para assisti-lo. Gostei dos seus comentários sobre o filme e apresentou alguns pontos que ainda não sabia.
    Abraço!

    ResponderExcluir
  6. Rosana, eu assisti este filme e para mim foi uma grande surpresa. Preciso dizer que não gostei. Eu esperava algo mais, principalmente por ter atores tão capacitados e incríveis como Meryl Streep e Johnny Depp, que para mim são os melhores, por outro lado valeu a pena por ter mostrado que contos de fadas não existem, nem mesmo os tão sonhados príncipes encantados.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  7. nem tive oportunidade de assistir o filme ainda mas to bem curiosa.
    Adoro filmes com Johnny Depp.

    ResponderExcluir
  8. Pra falar a verdade eu nem tinha vontade de assistir, eu antes só queria porque estava em estreia nos cinemas e tals, agora que você me lembrou do filme, só abrindo exceção eu assistirei para dar minha opinião, alias que nunca gostou dos contos de fadas? E agora tudo de uma maneira diferente.

    ResponderExcluir