Olá pessoal! Hoje é dia de resenha dark. Confesso que não é meu gênero preferido, mas quando tenho a oportunidade, me aventuro. Esse livro é bem especial! E não digo isso porque tenho um microconto nele, mas pela história por trás. Ano passado, a autora Rô Mierling lançou um desafio para os autores Illuminare: publicar, sempre que possível, microcontos de 100 toques no teclado, que se converteriam em um livro. Só que rolou uns problemas com outras editoras, acusações, polêmicas e a autora cancelou o desafio. Porém, dele saiu "Pedaços de mim", que foi a volta por cima dela e muitos autores que participaram do desafio, têm participação no livro, por isso tem um meu lá e muitos continuam até hoje inspirados a escrever microcontos nas redes sociais.

É um livro cheio de mistérios e realidades. Um livro que reúne a realidade urbana, os mórbidos medos humanos e as mais sinistras situações como tema e foco. Suspense, horror, drama e terror psicológico - de tudo em pouco nesse livro criativo e assustador.
Pedaços de Mim- Autora: Rô Mierling
Editora: Illuminare
Páginas:84
Página do livro: aqui.




Pois bem, dividido em três partes, "Pedaços de Mim", "Convidados do Funeral" (participação de autores convidados) e "Epitáfio", o livro é composto de microcontos cruéis, dramáticos, terroríficos e muitas vezes assustadores. Todos com 100 caracteres. É impressionante o que se pode fazer com poucas palavras. Eu como participei do desafio posso dizer que é um processo incrível. Rô é uma mestre no terror psicológico, é dela "Diários de uma escrava", sucesso na internet que vem fazendo história pela Dark Side (além daquela capa linda!). Os microcontos da Rô são sucintos, diretos, sutis como batida de trem, sabe? Muitos temas debatidos por ela, como solidão, morte, violência, são do tipo que não procuremos ler sempre, mas quando fazemos mexe conosco de certa forma. É um tapa atrás do outro.
















O livro conta ainda com belas ( e assustadoras) ilustrações, que dão todo o tom da obra. Na segunda parte, vemos autores acrescentarem um pouco: Lisa Hallowey, Dyórgia Oliveira, Márcio Muniz, Rogério Carvalho, Tatiana Honorato, Jefferson Passos, Regiane Silva, Walter Cavalcanti, Rick Spitaleti, Denise D'Alessandro, Alex Camargo, Giuliana Paixão, Fernando Nunes, TJ Nicodemos, Cátia Martins e eu, Juliana Rovere, fomos os "Convidados do Funeral". Como eu disse antes, não é meu gênero, então em um momento de inspiração tive um microconto na jogada, mas muito desses autores (que estão sendo valorizados lá em Buenos Aires, lembram do post anterior?) mandam muito bem e tem vários microcontos super bem produzidos.

"Cansou da humanidade e seus defeitos gritantes. Decidiu-se por viver recluso. Achou paz na solidão." (Tatiana Honorato)

"Sacou a arma. Estava pronto para atirar. Mas, viu apenas uma criança. Baixou a arma e levou um tiro." (Fernando Nunes)

Infelizmente não dá para colocar todos os incríveis microcontos aqui, mas fica a dica para quem se interessou. Ah, na parte 3, "Epitáfio", a Rô traz inúmeras citações de mestres não só da Literatura como Stephen King, Aristóteles, Charles Chaplin, Leonardo da Vinci, Fiódr Dostoiévski, Albert Einstein, Carl Jung entre outros. Fácil de ser lido e com um capa dura e aveludada, além dessa capa impactante, "Pedaços de mim" é uma boa pedida até para quem não é fã de terror. Até porque, se eu disser que encontro humor nesses microcontos vocês acreditam? Não? Então olha esse exemplo aqui:

"Me sinto tão apertado e sufocado. Eu disse a ela que odiava ficar no escuro. Maldita mulher, ela devia ter me cremado." (Rô Mierling)

Bom, é isso pessoal! Deixo também o meu microconto, que participa timidamente do livro. Um beijo!



22 Comentarios

  1. Olá,
    Acho que um dos gêneros mais dificies de compor são os microcontos, pois exige um poder de síntese e escolha de palavras e construções frasais que consiga dizer muito em tão pouco.
    Achei o livro incrivel, se eu puder adquirir ele em breve eu farei.

    Jônatas Amaral
    alma-critica.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade, penso o mesmo Jônatas. Obrigada!!

      Excluir
  2. Juuuh já posso pirar?
    Eu amei esse livro, capa, enredo, páginas... td lindo!
    Eu qro!!!
    Bjs

    ResponderExcluir
  3. Oi Ju.
    Já tinha ouvido falar dessa escritora.
    Mas confesso que nunca sentir o interesse de conhecer sua escrita, adorei a premissa do micro-contos, mas esse não é um livro para mim.
    Bjs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Normal, Marlene. Foi como eu disse: é para quem gosta do gênero.
      Bjs

      Excluir
  4. Oi Ju...
    Confesso que o gênero dark também não é o meu favorito, mas tenho tentado me aventurar nele de vez em quando... Há pouco tempo atrás, ganhei "O Diário de uma escrava" da Rô Mierling e é iincrível... Com certeza já quero ler esse livro que também promete mexer muito comigo...
    Beijinhos...

    ResponderExcluir
  5. Ju, se você tivesse nos mostrado esse livro há alguns meses atrás, eu terei ignorado completamente. Não lia este tipo de livro nem sob tortura, mas meu gosto literário mudou drasticamente nos últimos meses e estou fascinada por este livro. Não deve ser fácil escrever microcontos, mas são essas pequenas frases que nos assustam mais, né? O seu está incrível, meus parabéns!!
    Bjos!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, nossos gostam variam (ainda bem!)
      Obrigada!! ;)
      Bjs

      Excluir
  6. Olá.
    Adorei a proposta do livro. Muito diferente! Já estou bem curiosa para saber mais da obra.
    Gostei do seu microconto!
    Espero ter a oportunidade de ler.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  7. Estes microcontos de 100 toques no teclado estão espetaculares. Vocês simplesmente arrasaram com este livro. A capa está deliciosamente assustadora e os contos devem estar igualmente bons. Pedaços de Mim já foi para a lista dos desejados!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  8. Olá
    Gostei bastante desse genero, por mas que goste de livros com pequenos contos, acho difícil encontrar um livro que tenha mi
    crocontos, tendo bastante cuidado com a forma que é contruida! A capa do livro e bem assustador e com certeza me deixou um pouco curiosa pela historia!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, não é muito comum, por isso amei a ideia da Rô. Um beijo!

      Excluir
  9. Adorei essa capa, mas saber que tem microcontos, isso não me chamou a atenção. Ainda não li nenhum da editora illuminare.

    ResponderExcluir
  10. Juuh!
    As brigas de editoras só prejudicam os leitores.
    Fico feliz que ainda assim, a Rô persistiu e saiu um livro que parece magnífico.
    Sempre fui fã dos microcontos e até já participei de alguns desafios do tipo, mas depois, não ouvi mais falar deles, mas continuo na surdina escrevendo os meus...kkk
    Adorei o tema e ainda mais em ver que o livro é ilustrado.
    Certeza que lerei.
    E parabéns pelo seu microconto.
    Bom domingo e feriado!
    “A sabedoria é a única riqueza que os tiranos não podem expropriar.” (Khalil Gibran)
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  11. Amei o fato de você ter amado... Bjs.

    ResponderExcluir
  12. Oi!
    Não conhecia todo esse projeto, mas gostei de saber que tudo deu certo no final, achei bem interessante a idéia do projeto, ainda mais sendo só 100 caracterese, estou curiosa para ver o resultado !!

    ResponderExcluir