Hi! TVD também entrou em hiatus e retorna em março, mas até lá dá para digerirmos esse episódio e o funeral da querida Elizabeth Forbes. Começo falando, mais uma vez, que a série está surpreendendo, o enredo não está enrolando como nas duas últimas temporadas, e a esperança de que o nível se mantenha é grande. Também quero deixar claro que há algum tempo Caroline está sendo a protagonista da série, o que só aumentou com a morte da mãe, mas vou explicar com calma...


Era óbvio que, mais triste do que a morte da Liz, seria o funeral. E olha que já tivemos muitos nessa série... mas a personagem merecia. Damon se enrola com o discurso que ficou incumbido de fazer julgando ser uma má pessoa, como se o discurso fosse para ele. O personagem entende ao final que era para Caroline e o que ela precisava ouvir. Acho que esse draminha do Damon foi só para nos introduzir a história da mamãe Salvatore que, aparentemente voltará. Com direito ao flashback da "morte" dela, e um mini-Stefan bem chateado com Damon por ter perdido o funeral. Ainda tentando entender tamanha diferença de idade entre os dois, mas acho que foi porque os roteiristas queriam que ele se visse novamente na situação, porque pelo que eu saiba ele é mais velho apenas 5 anos. O discurso foi bom, emocionou, mas o que dizer de Carol cantando? Eu sempre assisto a cena que ela canta para o Matt e se não fosse a carga emocional desse episódio, a música que ela canta para mãe também estaria na minha lista de mais assistida.










Aí temos Kai, que está doente junto com Jo! E tudo indica que por conta da fusão, que foi com outro gêmeo. As tiradas desse personagem nessas cenas são de matar. Mas Kai, como costumam dizer "lacra" tudo, ao nos revelar mais uma mitologia: existem várias dimensões, e não somente aquela em que ele e Bon bon ficaram presos. E logo depois temos a confirmação, com a Bonnie indo parar em 1903, onde encontra a mamãe Lily. Isso ainda vai render! Jo aceita dar sua magia para Kai, e ele revela que ela está grávida de Ric, por isso passaram mal. E aí temos uma das cenas mais fofas, Ric pedindo-a em casamento. Que tudo dê certo, e que esse baby nasça logo! hahahaha


Bonnie consegue finalmente voltar. Até que enfim, ela merecia demais! Passou a temporada quase toda nessa. E corre para os braços do seu mais novo BFF: Damon. Curti! #Bamon



E agora, a protagonista da série: como falei, Caroline vem se destacando porque ao contrário da Elena, amadureceu. Nesse episódio tudo que ela falava era que precisava passar pelo dia. O que fez com que a Elesma se desse conta de que ela iria desligar a humanidade. Parece clichê, mas todos já passaram pelo momento de escuridão, e Car também deveria. Fora que dá uma movimentada nas coisas. Principalmente com a demora do Stefan em ter a tão falada "conversa" com ela. Ele não sabe o que sente, mas se dá conta de que não precisa ser o "amor verdadeiro" como Damon falou. Steroline vai ser real. Basta ela passar por esse momento. Agradeço imensamente por Caroline ter jogado tudo que Elena fez na cara dela, eu até entendo que a experiência dela não foi boa e que ela queria "avisar" a amiga, mas quem decide é a própria. E há muito queria alguém que não fosse vilão quebrando o pescoço dela. haha Vamos aguardar para ver onde isso vai dar!




PS: Tyler sendo inútil com a ex que jurava amar, senti vergonha por ter sido Forwood. Ele e Matt Lets be cops
PS2: Matt sendo maduro, oi?
PS3: Achei bem triste a cena dos policiais que dizem que depois de 12 anos Liz deixa a polícia.
PS4: Sinto Kath próxima. Algo me diz que ela foi "jogada" para uma dimensão dessas. Opa!







8 Comentarios

  1. Menina você não me iluda com a volta da Kath, não kk. Achei esse episódio super legal, e pra mim, a volta da Bonnie que lacrou tudo, eu sempre gostei dela, mas nunca amei tanto essa mulher como nessa temporada, e por favor, Bamon é a coisa mais linda.
    Aparentemente eu sou a unica que defende a Elena, porque sério, ela foi a pessoa que mais perder, ela perdeu simplesmente a família toda, e sempre teve de lidar com vários vilões atrás dela, enquanto a Car, só perdeu a Liz, por assim dizer. Mas vou amar ver ela sem humanidade, vou mesmo!Beijos
    Desfocando Ideias

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nunca fui muito fã da Bonnie, mas a bichinha sofreu e sofre demais. Olha, não é que odeie Elena. Só não gosto do que os roteiristas fizeram com ela rs
      Também quero ver a Car desligada e a Kath é o que queremos <3
      Beijos Nat

      Excluir
  2. Ola!
    Pra ser sincera não assisto muito a séries não, mas quando vejo os posts assim, dá uma vontade...rsrs, parabéns, vc escreve super bem!
    dicasdrishop.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Gostei muito de assistir essa serie
    eu cheguei a assistir duas temporadas
    querendo muito voltar a assistir

    Linda Noite
    beijokas da Nanda

    Mamãe de Duas
    Google+Nanda

    ResponderExcluir
  4. Não sabia dessa série
    super bem indicada
    quero ver ela, achei interessante
    bjs

    ResponderExcluir
  5. Esse episódio foi mara, fiquei emocionada no enterro da xerife, foi linda a homagem dos outros policiais. Achei meio sem noção o Mat querer virar policia, ele não sabe o que faz da vida, é o mais perdido da série, sabe aqueles atores que não tiram por dó?, então...
    A Elena anda meio parada mesmo, mas não acho que foi certo da Caroline jogar na cara dela, porque afinal a Elena perdeu pai e mãe, depois o irmão, o irmão de novo.... a guria sofreu.... Mas acho que está mais do que na hora de ver a Evil Caroline por aqui, ela ta boazinha de mais, quero ver ela dar umas boas tiradas em todo mundo, principalmente no Stefan, que não resolve o que quer da vida...
    E quando a mãe do Damon, to louca pra saber o porque de ela ter ido pra esse mundo prisão, será que ela mecheu com alguma bruxa do clã do Kai antigamente? E esse bebê da Jô, foi muito fofo o Ric pedindo ela em casamento *o*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Matt realmente precisa de uma direção rs
      Ah, mas todo mundo sofreu de algum jeito ali e a Elena mudou demais.
      Vamos aguardar a Car desligada que promete. E quanto a mãe dos Salvatore, pode ser isso...Curiosa!!
      Beijos

      Excluir