Olááá! 
A resenha de hoje é de um filme lindo! Confesso que tinha um pé atrás com o ator, mas ao assistir esse filme meu conceito mudou um pouco. A mensagem do filme é bem clara: não basta sonhar fazer algo, não basta apenas fantasiar, não se deve apenar sonhar e deixar de viver. É preciso ir em busca de um objetivo, nem que esse objetivo seja procurar a pessoa que teoricamente detém a foto mais importante da revista que trabalha.

O filme é dirigido e estrelado pelo ator, que é conhecido por ter feito "Uma noite no museu", "Trovão Tropical", "Quero ficar com Polly", "Entrando Numa Fria", entre outros. O filme é baseado em um conto escrito em 1939 por James Thurber. (Leia aqui o conto)

Bom, no filme somos apresentados à Walter Mitty, ele trabalha no setor de fotografias de uma revista que, para a tristeza de muitos, foi recém vendida. Com a venda, a revista será totalmente digital e terá uma última revista impressa. Aos longos dos anos que trabalhou na revista, Walter fez uma sincera amizade com o Sean O'Connel, que muitas vezes contribuiu com belas fotografias para a revista. Em uma dessas contribuições, a foto que seria disponibilizada para a última edição da revista simplesmente some e é Walter Mitty que sai em uma aventura atrás dessa foto.


Quero deixar claro, Walter é um cara de sonhar. Sonha acordado, imaginando-se fazendo milhares de coisas mas que nunca é capaz de realmente fazê-las. Ele é um bobão (com o perdão da palavra), está acomodado e parece ter medo de mudanças significativas. Conforme ele viaja em busca da foto desaparecida, ele vai desenvolvendo sua coragem e a vontade de mudar seu modo de agir.

A atuação de Ben Stiller acaba sendo praticamente perfeita para a formação do personagem. É possível ver o jeito do ator nas cenas e como ele se identifica. As cenas engraçadas estão nos momentos de sua imaginação, nas situações mais improváveis que ele imagina fazer.

A fotografia do filme é espetacular, paisagens estupendas! Considerando que Walter viaja para Guatemala, Islândia e diversos outros lugares com paisagens incríveis. A trilha sonora ajuda bastante para dar uma motivada a ir nessa aventura também.


A surpresa do filme é a fotografia 'perdeda' que ilustra a capa da revista ao fim do filme. Provavelmente o tempero extra que faltava para o filme deixar sua mensagem, e o fato de ela ser apresentada apenas ao final do filme contribuiu ainda mais com isso.

O filme foi lançado em 20 de Dezembro de 2013, um sinal para repensarmos nossa vida. É inevitável não nos compararmos ao Walter Mitty, pois acredito que todos sonhamos um pouco com coisas improváveis e que achamos impossíveis. É um excelente filme, recomendadíssimo.

Título original: The Secret Life of Walter Mitty
Título Brasil: A vida secreta de Walter Mitty
Ano de lançamento: 2013
Distribuidor: Fox Filmes



2 Comentarios

  1. Oi, nunca tinha ouvido falar desse filme e o fato de refletir em como somos e em nossa vida me deixou bem curiosa para assisti-lo, espero assistir. Bjus.

    ResponderExcluir
  2. Minha irmã vivia dizendo para eu assistir esse filme, então estava com ele parado aqui no computador quando achei esse post. Me deixou curiosa para ver, sabe que eu nem sabia do que se tratava?

    ResponderExcluir