Olá! Peço desculpas pelo sumiço de alguns dias, fiquei sem internet novamente. Hoje eu trouxe um filme que resenhei tem um tempo na minha coluna no blog Tudo que Motiva e conta uma história em meio ao fim do mundo. Opa, não estou querendo deixar ninguém desesperado haha, mas "Procura-se um amigo para o fim do mundo" tem uma pegada diferente desse assunto, e apesar do fim eminente, outros temas são melhores tratados no longa, como amor, vida, família e solidão.


Um meteoro está em rota de colisão com a Terra, e a última missão humana enviada para desviá-lo falha em sua tentativa. Não há mais saída: em três semanas, o mundo vai acabar. Algumas pessoas aproveitam os últimos dias de vida para beberem e fazerem sexo sem compromisso; outras se rebelam pelas ruas e começam a destruir os carros e os comércios. Além delas, existe Dodge (Steve Carell), corretor solitário que acaba de ser abandonado pela esposa, e Penny (Keira Knightley), sua vizinha triste, que nunca teve um namoro satisfatório. Juntos, eles decidem percorrer o país para reencontrarem suas famílias e seus amores de juventude antes que seja tarde demais.



Como eu falei, o fim do mundo é anunciado através de noticiários: faltam 21 dias para o meteoro Matilda entrar em colisão com a terra e não há nada a ser feito. Algumas pessoas abandonaram suas vidas, outras seguem com ela normalmente. Dodge após o anúncio, é largado pela esposa, Linda. Ele vai ao trabalho, paga a faxineira que limpa sua casa e tenta seguir os últimos dias solitários. Até esbarrar com Penny, uma vizinha que mora com o namorado e que está arrasada pelo término. Nasce então, uma estranha, mas agradável química entre os dois. Penny tem problemas com o sono, quando dorme o faz por dias, perdendo o último avião para ir ficar com a família. Quando acorda, revela que algumas correspondências de Dodge estavam em sua casa. Ele descobre uma carta de um antigo amor e após um arrastão, acorda Penny e o namorado (Sério, Adam Brody, você precisa parar de fazer essas aparições e matar meu coraçãozinho) e resolve ir em busca de Olívia, o amor do passado.


Óbvio que o ex fica pelo caminho e óbvio que durante o percurso, Dodge percebe que ir atrás do antigo amor não é a saída... Alguns podem achar clichê mas gostei muito de algumas partes, da maneira como mesclaram comédia, drama e romance na medida certa. A escolha dos atores também contribuiu já que aquela cara de bobo que Steve faz  engana qualquer um, e as caras e bocas de Kiera, totalmente caricata, rendem boas risadas. Os dois acabam embarcando em uma road trip, e percebem como cada um que cruza seu caminho está lidando com o fim do mundo. Outro ponto positivo é que não exploram o meteoro nem nada parecido, mas o que cada um realmente sente: ela, depois de alguns namorados quer voltar para sua família mas perde o voo, e ele depois de abandonado, só não quer morrer sozinho. Morrer sozinho. Acho que muita gente tem medo disso, e não julgo o personagem. No meio do caminho conhecemos um ex namorado militar da garota, que está preparado "para retomar o mundo" e o pai de Dodge, o qual ele não falava havia 25 anos. Emoção pura!













Penny e Dodge se dão muito bem e conversam sobre o sentido da vida, sobre as coisas que os dois consideram ter feito errado (ela, largar a família, ele, não conseguir encontrar esse sentido) e das coisas que vão sentir falta. São diálogos afiadíssimos e não pude conter a risada com ela falando que sentiria falta do metro. Aos poucos vemos a personalidade dos dois: ele, perdido, melancólico e solitário, e ela, sensível, meio louca e apaixonada por discos. Fiquei pensando em como algumas coisas tem que acontecer na hora exata. Sabe quando você está no final de uma viagem e conhece pessoas muito legais? Fica triste porque é o final da viagem, mas sente que aquelas pessoas mudaram a viagem inteira e valeu a pena. É disso que o filme trata: eles não se conheceram tarde demais, mas na hora certa. Lógico que o filme tem uma virada, que não vou dizer qual, e que não é o melhor do mundo, mas vale a pena ser visto sim.

"Eu estou loucamente apaixonado por você, Penny. Você é minha coisa favorita"

Considerei o desfecho muito bom, e a trilha sonora melhor ainda! Canções icônicas do Rock embalam as cenas carregadas de existencialismo. A roteirista e diretora Lorene Scafariajá tinha feito um bom trabalho em "Nick e Norah", que gostei de verdade. E apesar de não arriscar em nada novo, "Procura-se um amigo para o fim do mundo" foi uma boa jogada. Deixo o trailer para vocês, e a mensagem de que devemos viver sempre como se fosse o último dia, aproveitando cada segundo, sendo reflexivos e nos arriscando! Por que e se fosse o fim do mundo, o que vocês fariam?
Besos!!

Lançamento 31 de agosto de 2012 (1h34min) 
Dirigido por Lorene Scafaria
Com  Steve Carell, Keira Knightley, Melanie Lynskey, Adam Brody, Derek Luke...
Gênero Comédia , Drama , Romance
Nacionalidade EUA








15 Comentarios

  1. Eu ainda não assisti esse filme, e como eu adoro filmes desse estilo, com certeza eu irei assistir! O que eu mais gostei nele, apesar de falar sobre o fim do mundo, foi tratar de outros assuntos como solidão, família etc.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Carlos! Vai gostar com certeza. As atuações estão ótimas!!
      Bjs

      Excluir
  2. Não conhecia esse filme, mas já fiquei com vontade de assistir. Gosto de filmes que nos deixam pensando no nosso presente e o que a gente está fazendo com ele.
    Achei bem diferente esse casal, Steve Carell e Keira Knightley, nunca imaginei eles fazendo um par romântico, fiquei louca para ver a química entre eles.
    Vou tentar assistir em breve.
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também estranhei essa parceria, mas sabe aquela química estranha, que a gente gosta?
      Deu certo. E a Kira tá caricata demais nesse filme.
      Beijos

      Excluir
  3. Oi Ju,
    Achei bacana toda essa situação, geralmente tem muito pânico quando tem um filme com o fim do mundo haha. Não quero pensar no fim do mundo (pelo menos não ainda rsrs), mas assistir comédia e romance é maravilhoso, por isso preciso desse filme.
    Beijocas ^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É bom sim o tema, embora não gostemos de falar.
      E tudo com romance fica melhor né?
      Beijooos

      Excluir
  4. Que triste! Já estou quase chorando...Tá aí mais um filme na minha "pequena listinha" kkkk
    Simplesmente amei a resenha e me identifiquei super com Dodge, por ter medo dessa tal solidão (coisa boba né, mas também sofro com isso)
    Eita Juuh, pensa que é bonito isso né mocinha?! Atiça a curiosidade das pessoas e depois não conta o final
    Haha..fora de brincadeira, estou super curiosa pra saber se o mundo acaba ou não (NÃO! NÃO! NÃO! Não pode acabar assim, e o principal de tudo: os dois TEM que ficarem juntos)..
    Bjos e partiu pesquisar na net sobre o final do filme
    Haha, não me aguento de curiosidade kkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. HAHAHAHAHA, não gosto de entregar o final.
      Mas me conta o que achou.
      Beijinhos

      Excluir
  5. Esperei que fosse uma comédia romântica, mas tá mais pra drama romântico. Steve Carell faz o mesmo personagem cansado que costuma fazer, com poucas expressões e com preguiça de atuar, o que me decepciona pois, sempre o achei caricato e com boa vêia cômica. talvez por isso eu tenha esperado um pouco de comédia. O fato é que o filme tem uma estória legal, mas é bem paradão.

    ResponderExcluir
  6. Acho que é pessoal com o Steve ein hahahaha
    Sempre acho q ele está com a mesma cara tbm, mas acho que a Kiera salva'

    ResponderExcluir
  7. Nunca tinha visto esse filme, nem conhecia '-'
    Desligada eu né?
    Não é o melhor tema do mundo para um filme, mas parece ser bom...
    Abs

    ResponderExcluir
  8. Nossa, nunca nem tinha ouvido sobre esse filme, mas me parece ser legal, o tema é interessante se trabalhado da forma correta. Que fofo esse trailer, gostei e estou pensando em assistir. Fiquei pensando em qual será o final haha. Abraços.

    ResponderExcluir
  9. Não conhecia o filme, mas gostei e pretendo assistir. Adoro romance!!!

    ResponderExcluir
  10. A história é ótimaaa, ameei!
    E GENTE, STEVE CARELL E KEIRA KNIGHTLY????!!!! <3
    Quer matar meu core???
    AMOOOOOOOO MUITOOOOO OS DOIS!!
    Preciso assistir já!!!!!

    ResponderExcluir